head do post 2.png

Está no ar! Chá de Girassol lançou seu primeiro disco

É com a maior felicidade que a gente anuncia que saiu! Está no ar o primeiro disco do Chá de Girassol. A banda londrinense, na ativa desde 2017, estreou com um trabalho de 10 faixas, indiscutivelmente roqueiras, e parece divergir do intimismo que tem predominado na produção nacional. O trabalho, que fala principalmente de amor e de desejo, se destaca no cenário brasileiro pela atitude maliciosa e afirmativa das composições e convoca o ouvinte para a ação, para a potência ativa, mais do que para a contemplação.


O resultado forte remete a clássicos dos anos 60 e 70, mas as faixas também visitam o samba, o baião e outros ritmos do Brasil, gerando, ao final, uma mistura bastante tropical, com clima setentista.

E a nossa felicidade não podia ser maior, já que o disco também marca a estreia do selo Tapete Voador. A gente, do Tapete, assina a produção e distribuição da banda. E o álbum é o primeiro dos nossos lançamentos. Uma alegria!


Singles

Se você não sabe por onde começar a escutar um disco, a gente tem uma dica. Antes de divulgar o trabalho completo, o Chá de Girassol disponibilizou dua faixas de apresentação. “Amor em um 7/4” foi a primeira, e acionou de cara a potência roqueira do trabalho. Com refrão marcante, o som fala de paixão, da mulher que não sai de jeito nenhum da cabeça do sujeito apaixonado.


Uma semana depois, para equilibrar a febre, a banda lançou “Cor-de-romã”, um blues mais macio, também pairando pelo tema do desejo, mas essa mais romântica. As duas faixas apresentam bem o trabalho estreante que, como a gente já contou nessa entrevista aqui, é resultado de 3 anos de maturação. Chá de Girassol sai do forno bem madura e decidida, rompendo mesmo com a monotonia sonora dos últimos tempos. E é o nosso trabalho de debute. Escuta aí!



Por Isabela Cunha

Foto: Nayara Sabino

Capa: Lucas Klepa

16 visualizações
 
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • Branca ícone do YouTube

Assine a Newsletter:

Coisas de Ouvir!

© 2020 by Cristiano Ramos